TJ-SP suspende aumento da passagem em São Paulo

0
1056

O Tribunal de Justiça de São Paulo suspendeu os reajustes nas tarifas de integração entre Metrô, trens e ônibus, anunciadas pelos governos tucanos do prefeito João Doria Jr. e do governador Geraldo Alckmin. A liminar é uma resposta ao pedido de suspensão do reajuste feito pela Bancada do PT na Assembleia Legislativa.
“A discriminação parece ser injusta pois a medida é mais benéfica a quem reside em locais mais centrais e se utiliza apenas do metrô, cuja tarifa básica foi mantida, mas revela-se gravosa a quem reside em locais mais distantes e se utiliza do trem e do metrô, cuja tarifa integrada foi aumentada acima da inflação”, disse o juiz na decisão.

15823151_1245378145500681_2808045806343532848_n

As integrações, que aumentariam de R$ 5,92 para R$ 6,80, valor acima dos 6,4% da inflação (IPCA) projetada para o ano, passariam a valer a partir de domingo, dia 8 de janeiro.
A decisão do juiz Paulo Furtado de Oliveira Filho cabe recurso e refere-se exclusivamente ao reajuste nas tarifas de integração. O reajuste no Bilhete Único Mensal, portanto, que saltou de R$ 140 para R$ 190, ainda está mantido.
fonte: Liderança do PT

LEAVE A REPLY

Or
Please enter your comment!
Please enter your name here