Morre Pe. Ticão, líder popular da zona Leste

0
735

NOTA DE PESAR PELO FALECIMENTO DO PE. TICÃO

Com pesar a Bancada do PT na Câmara Municipal de São Paulo recebeu a notícia do falecimento de Antônio Luís Marchioni, o Padre Ticão. Reconhecido líder comunitário na zona leste de São Paulo, desde 1982 liderava a Paróquia São Francisco de Assis, em Ermelino Matarazzo.

Nascido em Urupês (SP), foi ordenado padre em 1978 e, em sua trajetória, acumulou mais de três décadas em defesa dos Direitos Humanos, das comunidades paulistanas e dos movimentos sociais e populares. O pároco foi incentivador e militante das pastorais sociais nas áreas de moradia, saúde, educação e no trabalho com as pessoas com deficiência e os idosos.

Atuou pela criação do Parque Dom Paulo Evaristo Arns e do Hospital de Ermelino Matarazzo, participou da mobilização para a instalação da USP Leste e da Universidade Federal de São Paulo na zona leste. Na região, entre suas obras estão o Centro de Convivência para Melhor Idade e o Centro de Recuperação de Crianças Deficientes.

Líder religioso progressista, Padre Ticão nunca deixou de se posicionar politicamente ou fugiu de debates sobre temas polêmicos dentro da igreja. E, por isso, foi ameaçado e perseguido, mas também construiu pontes e conquistou o respeito de sua comunidade e de diversos setores religiosos e sociais.

Sua força, coragem e grandeza deixam marcas profundas na história da zona leste de São Paulo e certamente inspiradoras para as futuras gerações. Esperamos que os familiares, amigos e irmãos em Cristo sintam-se confortados pela certeza do reencontro.

Padre Ticão: presente!

Vereador Alfredinho – Líder da Bancada do PT
Câmara Municipal de São Paulo

São Paulo, 1º de janeiro de 2021

Pe. Ticão, há 38 anos pároco da Paróquia São Francisco de Assis, em Ermelino Matarazzo

LEAVE A REPLY

Or
Please enter your comment!
Please enter your name here