Petistas discutem iniciativas para barrar política higienista de Doria

0
1166
A Bancada de Vereadores do PT de São Paulo se reuniu na tarde desta terça-feira, 31, para discutir a atuação no parlamento, tendo em vista o início do ano Legislativo em 1º de fevereiro. Um dos temas predominantes na reunião foi a ação da gestão em relação às pessoas em situação de rua, identificada na agenda do programa Cidade Linda e no Decreto Municipal 57.581/2017, que mudou o tratamento da prefeitura durante os serviços de zeladoria da Cidade.
Como resultado do debate, os petistas protocolaram o PDL 3/2017, para sustar o referido Decreto, publicado no último dia 21, em que a prefeitura retirou o veto à remoção de cobertores de moradores de rua pela guarda civil, o que levou servidores da Coordenação de Políticas para a População de Rua, em desacordo com a medida, a pedirem exoneração.
Outra medida encaminhada pelos petistas foi o apoio ao Projeto de Lei 26/2017, proposto pelos vereadores Alessandro Guedes e Eduardo Suplicy e pela vereadora Juliana Cardoso, que “dispõe sobre os procedimentos e o tratamento à população em situação de rua durante a realização de ações de zeladoria urbana”. O texto tem por finalidade restabelecer os avanços conquistados pelos militantes e entidades que atuam na assistência social e nos direitos humanos durante a gestão do prefeito Fernando Haddad.
Na última desta sexta-feira, 27, o vereador Antonio Donato, Líder do PT, protocolou um pedido de providências junto à Defensoria Pública do Estado para impugnação do Decreto de Doria, corroborando a posição da Bancada publicada em nota no início do mês. Já a Central dos Movimentos Populares (CMP) realizou o ato “Cartão de Visita ao Governo Doria” durante a participação do prefeito na missa celebrada na Catedral da Sé em homenagem ao aniversário da Cidade, para denunciar o forte cunho higienista da gestão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui
Captcha verification failed!
Falha na pontuação do usuário captcha. Por favor, entre em contato conosco!