Circuito público de cinema, Haddad diz que quer bater Cinemark

0
758

Ao lançar na manhã desta quarta-feira (30) um circuito público de salas de cinema, o prefeito Fernando Haddad disse que quer tornar o município o maior exibidor de filmes de São Paulo. “Nós queremos passar o Cinemark, a prefeitura quer ser o maior exibidor. Senão o cinema não vai avançar como linguagem”, afirmou Haddad, durante entrevista coletiva.

https://youtu.be/9TiNP0SHY2g
Com 20 salas abertas em 15 Ceus (Centros de Educação Unificada) e cinco centros culturais, o Circuito SPcine inaugura nesta quarta-feira (30) uma rede popular de cinemas com ingressos subsidiados, mas gratuitos para a população.
Com o investimento inicial de R$ 7,5 milhões, a rede começa com 6.500 poltronas e 200 sessões semanais, com expectativa de atrair 63 mil espectadores por semana (960 mil espectadores por ano, com taxa de ocupação estimada em 30%). Já é a segunda maior rede exibidora da cidade, e pretende mesclar filmes nacionais com sucessos internacionais. “Nada contra blockbuster, a população da periferia tem direito”, afirmou o prefeito.
Segundo Alfredo Manevy, presidente da SPCine, agência municipal de fomento ao cinema e gestora do sistema, 40% dos paulistanos não foram ao cinema uma única vez no ano passado. E cerca de 60 filmes produzidos no país estavam parados à espera de sala exibidora. “A abertura das salas representa aspecto fundamental da cidadania cultural”, afirmou. “Derrubam os muros entre as áreas com maior vulnerabilidade social e as mais abastadas”.
Programação
Nesta tarde, a sessão do filme “O Escaravelho do Diabo” abriu a sala instalada no CEU Meninos, no Sacomã. Já no início da noite, o filme “Mundo Cão”, dirigido pelo cineasta Marcos Jorge e estrelado por Lázaro Ramos, Babu Santana e Adriana Esteves, foi exibido no CEU Butantã, mesma região em que algumas cenas foram gravadas.
“Isso tudo aqui é um ritual muito importante que o nosso país está precisando. Eu espero que a Prefeitura de São Paulo sirva de exemplo para muitas prefeituras aqui do Brasil, porque aqui a formação de plateia é fundamental”, disse o ator Babu Santana.
Toda a rede contará com um pacote variado de filmes, com estreias internacionais, produções históricas e recentes da cinematografia brasileira, incluindo filmes para o público infantil. “O cinema está muito presente para todos nós, ele muda a nossa vida, nos transforma e por isso é muito importante que todos tenham acesso”, disse a primeira dama e coordenadora do programa São Paulo Carinhosa, Ana Estela Haddad.
Além dos filmes exibidos no dia de hoje, também estão previstos “Snoopy e Charlie Brown – Peanuts o filme”, “Batman vs Superman: A origem da justiça” e o vencedor de três estatuetas do Oscar, “O Regresso”.
A programação contará também com mostras e festivais apoiados pela SPCine, como o “É Tudo Verdade”, “Mostra Internacional de Cinema” e o “Festival de Curtas”.
Nos CEUs, as sessões serão às quintas, domingos e quartas, seguindo a lógica do mercado de exibição que renova as estreias sempre no quinto dia da semana. Os outros equipamentos culturais seguirão a mesma estratégia, mudando apenas a quantidade de sessões.

As unidades que participaram do lançamento do circuito foram o CEU Meninos e o CEU Butantã. Confira todas as salas que integrarão o circuito e as datas previstas para a inauguração:

CEU Butantã – 30 de março

CEU Meninos – 30 de março

CEU Jaçanã – 13 de abril

CEU Quintal do Sol – 17 de abril

CEU São Rafael – 20 de abril

CEU Três Lagos – 24 de abril

CEU Aricanduva – 27 de abril

CEU Caminho do Mar – 1º de maio

CEU Jambeiro – 4 de maio

CEU Vila Atlântica – 8 de maio

Cine Olido – 11 de maio

CEU Perus – 12 de maio

CEU Paz – 15 de maio

CEU Parque Veredas – 18 de maio

CEU Feitiço da Vila – 19 de maio

CEU Vila do Sol – 22 de maio

Biblioteca Roberto Santos – 25 de maio

CCSP – Sala Lima Barreto – 26 de maio

CCSP – Paulo Emílio – 26 de maio

CFC Cidade Tiradentes – 29 de maio

Fonte: PMSP/ SPCINE

LEAVE A REPLY

Or
Please enter your comment!
Please enter your name here